Como o recrutamento promove alto desempenho

O FaçaAgora! contribuindo desde a atração até a retenção de membros.

Dentre os trabalhos mais estratégicos de uma organização, um dos principais, se não o mais, é o processo seletivo. É nele que se têm a oportunidade de angariar novos profissionais para dar continuidade ao seu trabalho.

Existem alguns formatos diferentes. Existem àqueles que realizam o próprio processo e fazem da entrada de novo profissionais uma etapa fixa na gestão; àqueles que recrutam pela necessidade, abrem processos de forma esporádica por vaga ou vacância; e àqueles que não abrem processos, mas garimpam banco de talentos para preencher suas vagas.

Hoje eu venho falar com você que trabalha com os dois primeiros estilos para promover auto desempenho da equipe trabalhos com três ferramentas importantes.

1. Culture Code

A melhor maneira de entender como a história da empresa vai filtrar os próximos membros é utilizando o Culture Score, entendendo como os valores e rituais refletem em cada um dos membros e buscando pessoas que se identificam de maneira espontânea e intuitiva.

Essa é a principal ferramenta para analisar quais etapas serão essenciais durante o processo, formulando e constituindo o Fit Cultural da empresa.

2. Análise OCAI

Com essa ferramenta levantamos dados dos colaboradores atuais, ditando o que da estratégia está precisando ser priorizado. Uma organização pode trabalhar seus esforços para esses quatro pilares: Mercado, Pessoas, Inovação e Processos.

Se a organização é muito nova, ela ainda busca equilíbrio entre esses pilares e, por isso, eles ditam qual o perfil do colaborador estaria em falta de acordo com os índices coletados. Já uma organização que está há mais tempo no mercado sabe suas prioridades e o que mais funciona de acordo com o seu trabalho, confirmando o estilo de colaborador que poderia manter esse cenário e/ou, em alguns casos, mudar.

3. Perfil Comportamental – DISC

Enquanto a análise OCAI trabalha o perfil da empresa, o DISC trabalha o perfil dos candidatos. É aqui que entendemos o teor de diversidade do processo e como o recrutamento vai gerar auto desempenho entre essas pessoas que ainda não se conhecem.

Esta é uma forma estratégia de conhecer como motivar sua equipe, gerenciar de forma personalizada, favorecer o auto desempenho e potencializar trabalho de identificação não só entre colaborador e empresa, mas também entre os futuros funcionários.

Gostou?

Quer ter tranquilidade e segurança no recrutamento?

Entre em contato com o time Comercial do FaçaAgora!, estamos dispostos a trabalhar com você e com a sua empresa.

Recommended Posts