Entenda como uma contratação errada afeta o crescimento da sua empresa
Colaboradores ruins e desalinhados aos objetivos da organização podem trazer grandes problemas

Você já contratou alguém que se mostrou diferente daquilo que esperava no dia a dia do trabalho? Algum colaborador que só te trouxe dores de cabeça?

Embora indesejável, essa é a realidade de grande parte das empresas. Segundo estudo realizado pela Robert Half, 41% dos executivos brasileiros assumiram que fizeram ao menos uma contratação errada no último ano

Se você quer entender de que forma uma contratação ruim pode afetar o crescimento da sua empresa, esse texto é para você!

Falaremos sobre 4 consequências de uma má contratação:

Prepare o seu café e bora conhecer melhor cada uma delas!

Prejuízos financeiros

Uma das principais consequências de uma contratação equivocada são os custos elevados. Além de inúmeros encargos com a rescisão contratual, admitir um novo colaborador demanda investimento de recursos, não só financeiros, mas também de tempo.

Segundo o levantamento feito por Celso Bazzola, diretor executivo da Bazz Consultoria em RH, o prejuízo financeiro de uma contratação errada pode equivaler de 3 a 15 vezes o salário da pessoa demitida.

Uma empresa que deseja melhorar os seus resultados e crescer dentro do mercado não pode comprometer a sua gestão financeira por deslizes de um processo de Recrutamento e Seleção mal elaborado e ineficaz. O barato pode custar caro!

 

Enfraquecimento da cultura organizacional

Um colaborador que não compreende e compartilha dos mesmos objetivos que os demais, além de apresentar dificuldades na entrega de resultados, pode causar conflitos e prejudicar emocionalmente o restante da equipe.

A cultura organizacional é o conjunto de elementos (crenças, valores e normas) que influenciam o clima de uma empresa. Ela funciona como uma ponte entre a estratégia e a execução, e, por isso, o seu enfraquecimento afeta diretamente o crescimento da empresa.

Para que a cultura de uma organização seja sólida, é preciso que exista fit cultural entre a empresa e os integrantes da equipe, aspecto a ser identificado durante as etapas do processo de contratação.

Aumento do turnover

O turnover é um indicador que mensura a quantidade de colaboradores que deixam uma empresa durante um determinado período. Ele avalia a capacidade da organização de reter os seus talentos.

A rotatividade, embora importante em alguns momentos, quando acontece com frequência prejudica a continuidade do trabalho desenvolvido. Isso porque um novo colaborador demanda um período de adaptação até que consiga entregar bons resultados.

 

Baixa produtividade da equipe

O capital humano é o recurso mais estratégico para o crescimento de uma empresa, e, portanto, a baixa produtividade é uma das consequências mais graves de uma contratação equivocada.

Quando uma empresa contrata mal os seus colaboradores, ela acaba ficando em uma verdadeira “sinuca de bico”. Isso porque, ao mesmo tempo que um novo colaborador demanda maior tempo e atenção para se adaptar, a manutenção de pessoas ruins também compromete o desempenho da equipe.

A empresa que deseja crescer deve ter em mente que o processo de contratação tem que ser capaz de identificar as pessoas certas para os locais certos. E, para que isso aconteça, a contratação não pode ser realizada com base apenas na intuição.

Quer melhorar a assertividade do seu processo de Recrutamento e Seleção?

Baixe agora o Canvas do Processo Seletivo e tenha o método FaçaAgora! para te acompanhar na jornada da construção do seu processo de contratação.

Recommended Posts